Vera Barbosa

A maioria das coisas importantes que aprendo vêm de dentro, e não de fora de mim.

Textos

À ou Á
À refere-se ao fenômeno do uso da crase e já escrevi sobre isso detalhadamente. Só para relembrar: coloca-se o acento grave sobre o A para indicar que aí existem dois "as", que é o artigo definido feminino singular mais a preposição a.
Exemplos: Vou à feira. Voltei à minha cidade natal.

Já o "Á" não pode, jamais, ser escrito solto na frase, pois ele é a partícula final do verbo no futuro quando se utiliza o pronome em mesóclise. Que piração é essa? Explico.
Há duas maneiras de eu usar um pronome com um verbo no futuro do presente:
- próclise (antes do verbo): Ela se dará férias forçadas.
- mesóclise (no meio do verbo): Ela dar-se-á um merecido descanso.

Note-se que o uso é opcional, EXCETO quando houver partículas que atraiam o pronome, exigindo-se, então, o uso da próclise. Essas partículas geralmente são: não, nunca, jamais, sempre, tudo, entre outras.
Ex.: Ela não se dará um descanso, embora o merecesse.

Concluindo, usaremos o "á" somente neste caso, pois ele é a parte final do verbo no futuro, que foi intercalado com um pronome.

Primavera Azul
Enviado por Primavera Azul em 29/10/2016
Alterado em 22/05/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras